segunda-feira, 6 de outubro de 2014

O Passeio de Domingo

No fim de semana anterior a este, quando do meu jantar, um dos presentes foi o Félix, que veio e ficou até terça feira, tendo ido comigo com o Duarte e a  Margarida a ver a peça "Gata em telhado de zinco quente" ao CCB

Pois partiu do Félix a ideia de irmos passar este domingo a Coimbra e lá encontrarmos-nos com ele e com o Miguel e passar lá o dia.
Acolhemos bem a ideia, o Miguel ficou radiante e ficou combinado.
Infelizmente, o Félix não contava que a família tivesse marcado para esse dia um almoço para comemorar o aniversário do Avô e acabou por não poder estar presente, com muita pena dele.
Assim lá fomos de manhã, o Miguel estava à nossa espera nas chamadas "Docas" de Coimbra, á beira do Mondego

e fomos almoçar ao restaurante do velho Hotel Avenida, ali na Portagem, e que agora é um excelente restaurante indiano

Após o almoço fomos a casa do Miguel para conhecer o famoso e pequenino gato amarelo que agora lhe faz companhia e que se chama Stockler. É uma autêntica ternura e um diabinho muito querido

Combinámos depois dar um passeio, indo primeiro e por caminhos só conhecidos por gente da região até Montemor-o-Velho, que eu só conhecia de passagem
e cujo castelo, interessantíssimo, visitámos

Depois e no meio dos férteis arrozais do Mondego chegámos a um dos locais a que mais estou ligado, aqui em Portugal - a "minha querida" Figueira da Foz.


Fico sempre emocionado quando ali volto, andámos por vários sítios e acabámos por parar na longa marginal e comemos um delicioso gelado numa afamada gelataria da cidade - a Emanha

Depois continuámos por Buarcos e subimos ao alto da Serra da Boa Viagem, tendo parado no sítio chamado a Bandeira, de onde se avista a linha da costa quase até Aveiro.

Descemos então até Quiaios

fomos ver o mar, já estava fresco, era o pôr do sol e regressámos directos a Coimbra.
Despedimos-nos do Miguel e parámos na área de serviço de Pombal (comi uma saborosa sande de leitão...) e chegámos a Lisboa cerca das 23 horas.

Claro que a música deste post só poderia ser a canção maravilhosa da Maria Clara (mãe de Júlio Machado Vaz), intitulada precisamente Figueira...

38 comentários:

  1. um belíssimo domingo.
    foi um fim de férias cinco estrelas. aliás foi uma óptima semana, que começou com o teu jantar, dois teatros (o meu aniversário pelo meio, tiro sempre férias nesta altura) e uma viagem para recordar a Coimbra :)
    bjs.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Margarida
      fico satisfeito de ter partcipado em três dos actos que referes, dessa tua boa semana de férias: o jantar, a peça do CCB e este passeio de domingo.
      Foi realmente um passeio quase perfeito (a falta do Félix), e foi bom sentirmos todos que apesar de termos apreciado o dia, demos essencialmente uma enorme alegria ao Miguel que bem carenciado de bons momentos está. E isso foi uma mais valia. E que bom é para ele ter arranjado o Stolcker...
      Beijinho.

      Eliminar
  2. Que bela passeata, num belo dia de verão tardio!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Foi sim senhor, João.
      E apesar de minimamente preparado teve aqueles pequenos toques de imprevisto que o coloriram ainda mais...
      E depois a Figueira, meu Deus...
      Abraço amigo.

      Eliminar
  3. Um passeio excelente. Assim o descreveste e me pareceu acompanhar-vos no alto da Serra da Boa Viagem ou no Castelo de Montemor.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Luís
      é bom de quando em vez, deixarmos a cidade grande e ir por esse Portugal fora; há tanta coisa que vale a pena, que depois ficamos a pensar porque vamos tão poucas vezes.
      Abraço amigo.

      Eliminar
  4. Delícia de fotos! Portugal é efetivamente um dos países mais lindos! Eu acho.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Achas tu, meu caro Edu e achas muito bem.
      E eu longe de te contrariar, apenas corroboro a tua opinião e gostaria que de uma próxima visita aqui possas ir a Coimbra visitar o Miguel e ele proporcionar-te um passeio igual a este.
      Beijo.

      Eliminar
  5. Já fiz essa volta (em sentido contrário) e é muito interessante. Para quem não conhece Montemo-o-Velho (e conheço o Novo também rsrsrs) é uma bela surpresa. Se bem que eu conheço a zona de duas formas: a preguiçosa, de carro e a mais desportiva, em cima da bicicleta. Não sou muito apreciador da Figueira mas a Serra da Boa Viagem é muito bonita e fresca.

    Falar de Coimbra... bem foram alguns anos por lá, é melhor comentar no meu blogue. rsrsrs

    Divertiram-se não foi? Isso é que foi bom. Sinal que a amizade só dá bons resultados.

    Abraço

    ResponderEliminar
  6. Ribatejano
    não ser grande apreciador da Figueira é, para mim, um gravíssimo pecado.
    Abraço amigo.

    ResponderEliminar
  7. Belo passeio com bons e giros amigos :)

    Abraço amigo João

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, Francisco, foi um excelente passeio e com excelentes amigos.

      Eliminar
  8. Joao, João, foste ver a nossa terra e não disseste nada!? Para a próxima avisa, que é para levares um Bj meu a essa cidade.
    Tb quero um gelado desses!

    Quem não gosta da figueira, não entende a sua magia.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anselmo
      foi uma coisa resolvida de repente e sabia que tu não podias ir pois estás no Algarve.
      Claro que sempre que vou à Figueira fico emocionado. E é sempre muito bom.
      Abraço amigo.

      Eliminar
  9. Bacana as fotos e os passeios.
    Abraços!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ro
      fico satisfeito que tivesses gostado. Tens que vir um dia a Portugal.
      Abraço amigo.

      Eliminar
  10. que bela reportagem, João, a deixar-me com saudades do domingo passado e a ansiar por novos encontros e novos passeios (acho que tens a obrigação de nos mostrares a Covilhã eheh).

    e conseguiste arranjar umas fotos óptimas para ilustrar o passeio. gostei particularmente da da sala do restaurante, e da de Quiaios, a primeira, tal e qual a vista lá de cima.

    e fiquei derretido com os mimos que vocês deram ao Stockler, e ele no seu melhor, mau como as cobras eheh

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Miguel
      foi um imenso prazer este passeio e só gostava que me explicasses porque é que o Stockler é mau como as cobras...
      Quanto à Covilhã, há tanto que ver, não só a cidade, como a Serra, Sortelha, Belmonte, eu sei lá que será necessário pernoitar lá e isso é que será o problema.
      Infelizmente, em casa da minha Mãe só posso ficar eu, pois a minha irmã disponibiliza-me o quarto dela.
      É uma questão a combinar, mas que me daria um imenso prazer, é uma verdade.
      Abraço amigo.

      Eliminar
    2. eu não me importava de ficar no hotel do antigo sanatório (será que é comportável? vou investigar), e pode ser que haja mais candidatos. ia-se no sábado, e voltava-se no domingo. acho que seria engraçado, e era fantástico conhecer a Covilhã com alguém da cidade e qua ama, como tu.

      quanto ao Stockler, é mau como as cobras porque morde e arranha os convivdados :)

      Eliminar
    3. fui espreitar ao booking. no fim de semana de 5 e 6 de dezembro (uma data ao acaso) um quarto twin fica a 100 euros, com pequeno-almoço, ou seja 50 por pessoa. eu ofereço o gasóleo a partir de coimbra. INSCRIÇÕES ABERTAAAAAAAAAAS ;)

      Eliminar
    4. ah, carpooling a partir de coimbra :D
      eu aceito. um lugar é meu!
      não conheço a covilhã, tirando um auditório em 98, em trabalho. e se estiver a nevar, melhor ainda :D
      o stockler não é mau, devias ver o césar, finca as ganfias na minha mão e para tirar é a punho fechado. césar mao, mao!

      Eliminar
    5. Miguel e Margarida
      vamos por partes. Claro que eu estou sempre disponível, em qualquer data, mas não posso levar carro; o meu já não tem condições e o Duarte precisa do dele. Assim, quando vou à Covilhã, vou sempre de comboio ou camioneta até porque enho desconto. Mas espero lá por vós, pois até posso ir de véspera...
      Se vocês não se importarem de partilhar um quarto, há alternativas muito mais baratas e razoáveis, que chegam aos 30 e tal euros por noite com pequeno almoço incluído. Quase dava para irem sexta à tarde e ficarem duas noites, o que nos dava muito mais tempo disponível...
      Entendam-se os dois quanto a isso.
      Se houver outras duas pessoas que queiram alinhar, partindo de Lisboa ou de outro sítio, incluindo ir ter convosco a Coimbra, óptimo. Fica o desafio lançado...
      Beijos e abraços.

      Eliminar
  11. Estive na Figueira da Foz, em pequeno, não me lembrando bem. Em Coimbra, creio que de passagem.

    Bom, o que verdadeiramente releva são os bons momentos passados com quem se gosta.

    um abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade, Mark que as pessoas com quem partilhamos estes passeios, são muito importantes. Mas visitar sítios belos é um prazer só por si.
      Abraço amigo.

      Eliminar
  12. Olá
    Tenho seguido seu blog e adoro viajar por Portugal, minha família por parte de mãe é de Trás dos Monte, é assim que se escreve? Eu nunca fui até a terrinha. Enfim. Sempre um prazer. Abraços
    Paulo Gome

    ResponderEliminar
  13. Olá, Paulo
    muito obrigado pela sua visita.
    A forma correcta de designar essa região do nordeste português é Trás-os-Montes.
    Já é altura de vir visitar a "terrinha"...
    Abraço.

    ResponderEliminar
  14. Porra, que pedalada, fazes ver os tipos mais novos... (como eu):)

    Se querem um conselho para pernoitar na Covilhã, com conforto e a preço aceitável, é no "TRYP Dona Maria Hotel". Marcar no próprio site do hotel : http://www.melia.com/pt/hoteis/tryp/portugal/covilha/home.htm, pode ser mais vantajoso.

    ResponderEliminar
  15. Olá Dylan
    lá diz o velho ditado - parar é morrer...
    Quanto à Covilhã, há várias alternativas, entre as quais a que indicas e que eu conheço bem.
    Abraço amigo.

    ResponderEliminar
  16. João, encantou-me a tua reportagem: adoro Coimbra, Figueira e a Serra da Boa-Viagem trazem-me recordações de infância, tenho amigos com casa em Quiaios onde vou com alguma frequência. Mas vais perdoar: aquilo que me fez sorrir e enternecer-me foi o gatinho Stockler, diabinho encantador:-)))))))))))))))))) Irresistíveis, os gatinhos!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Justine
      não só perdoo, como corroboro o que dizes sobre o Stockler. Irresistível é mesmo a palavra certa.
      Beijinho.

      Eliminar
  17. Momentos assim ficam eternizados nas mentes e nos corações dos amigos!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Claro, Rosa
      faz bem ao corpo e ao espirito, aumenta a cultura e o saber e reforça os afectos.
      Beijinho.

      Eliminar
  18. Respostas
    1. Sérgio
      foi excelente, sob todos os pontos de vista.
      Abraço amigo.

      (E boas corridas...)

      Eliminar
  19. Ainda ontem estive em Coimbra em serviço. Belo passeio, lembrei-me da altura que íamos passar férias de autocaravana e corríamos o litoral todo, dormimos muitas vezes na Figueira e em Quiaios. Beijinhos

    ResponderEliminar
  20. Ai a Figueira, Mary, é uma paixão para toda a vida...
    Claro que quando publiquei esta postagem, o acompanhamento musical era aquela nonita canção da Maria Clara, precisamente "Figueira"...
    Beijinho.

    ResponderEliminar

Evita ser anónimo, para poderes ser "alguém"!!!