segunda-feira, 29 de dezembro de 2014

NOVE!


29 de Dezembro de 2005 – estava muito longe de travar conhecimento com alguém através daqueles sites que existem para esse efeito, em teoria, mas que na prática, funcionam mais em termos de meros encontros sexuais.
Naquele tempo, e não porque necessitasse realmente de encontrar alguém para um relacionamento – estava muito bem, sozinho – apetecia-me encontrar gente para conversar.
E encontrei um “puto”, então com 26 anos que também queria, e tão só isso, conversar.
Era da Sérvia e começámos a falar (teclar) em inglês.
Gostámos da conversa e repetimos nos dias seguintes; e depois começou uma troca de mails, mails grandes em que contávamos muita coisa um ao outro.
E começou a surgir algo que eu não imaginava que pudesse ainda acontecer-me – apaixonámos-nos! Mas havia um grande problema: a distância!
Equacionámos o problema, mas já não fomos a tempo de desistir – FELIZMENTE!
E passados 9 meses, em Setembro de 2006 dei um passo que tinha algum (não demasiado) risco: fui à Sérvia e conheci pessoalmente o “puto” - o Déjan, o meu Déjanito e tornámos-nos ambos um para o outro “CHAKO PAKO” (manias dele)...

E agora, a 29 de Dezembro de 2014, comemoramos NOVE anos de uma união que eu não acredito, apesar da distância, possa ser mais feliz.
Meu amor, muito obrigado por tudo o que me tens dado, por todos os momentos passados juntos, que até foram curtos para o tempo que levamos da nossa relação, mas é preciso não esquecer que ao longo destes anos, todos os dias falámos um com o outro, uma ou várias vezes ao dia.
Eu não posso passar sem ti, e sei, sem querer ser presunçoso, que o mesmo se passa contigo.

Estivemos (ainda estamos) o mais longo tempo sem nos encontrarmos – 14 meses – e isso devido essencialmente às grandes modificações de vida que  passaste ultimamente com o estágio, os estudos e exames da língua alemã, o processo de candidatura a um trabalho na Alemanha, enfim, tanta coisa que inviabilizou o nosso reencontro.
Mas a 19 de Janeiro, espero que estejas em Dusseldorf à minha espera e vamos passar 15 dias calmos, tu a trabalhar, e eu a ler e a entreter-me com a net, até tu chegares e depois há os teus dias de folga e há tanta coisa para partilhar de novo...

Desculpa-me este texto ir escrito em português, mas tu tens possibilidade de o traduzir facilmente; é que me era difícil dizer isto tudo em inglês...

Mas e agora só para ti: Puno havala, ljubaj moja. Volim te já tebe, moj predivni. Ti biti divan, Déjan! 

(Hope you like this music. Is not our song, as you know, but is for you, my love.)

34 comentários:

  1. As melhores coisas acontecem quando menos esperamos, e não há como planejar um grande amor, simplesmente ele acontece.
    Sucessos ao casal, e um ótimo 2015.
    Abraços!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ro
      por essa razão, advogo junto daqueles que procuram desesperadamente encontrar a sua alma gémea, que não o façam; claro que há que estar atento e ser oportuno, mas o amor não se procura, acha-se...
      Obrigado pelas tuas palavras e votos de um bom ano.
      Abraço amigo.

      Eliminar
  2. nove! nove! muitos parabéns, João e Déjan. uma relação constrói-se passo a ppasso e esta é a prova que a distância não é impedimento para se ser feliz.
    bom ano para vocês.
    bjs.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Margarida
      foi, é será sempre construída passo a passo. Só assim uma relação perdura.
      Obrigado e bom ano para ti também.
      Beijinho.

      Eliminar
  3. Nove anos!... e deve parecer-te que foi ontem... Muitos parabéns e temos de começar a pensar nos festejos do décimo... :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. João, sim o décimo terá que ser em conjunto, resta saber onde?
      Abraço amigo.

      Eliminar
  4. Parabéns João, venham 9x9. Um abraço para ti e para o Déjan.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eolo
      sou mais comedido. Vamos contando um a um; agora esperemos pela dezena.
      Abraço amigo.

      Eliminar
  5. Querido João, reitero aqui a felicitação que te dei em outro espaço. Muitos parabéns! Não será nada fácil manter uma relação à distância, com todos os inconvenientes e contratempos que isso acarreta. Pude estar com os dois e testemunhar a genuinidade do que vos une.

    um grande abraço, e que comemorem o dobro, o triplo!...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mark
      nada fácil é pouco para definir o que custa manter uma relação assim. será mais acertado dizer "muito, muito difícil", mas isso só fortifica a relação.
      Abraço amigo.

      Eliminar
  6. Amigo João, talvez sejam as minhas últimas palavras aqui no teu espaço este ano, e por pouco não eram as primeiras também. Os nossos parabéns a ambos, por provarem que, no amor, não há mesmo barreiras. Foram 9 anos de uma relação fantástica, de alegrias, cumplicidades, viagens... É motivador para qualquer um, solteiro ou 'casado', olhar para a vossa relação. E digo isso por experiência própria.
    Dois abraços!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amigo Coelho
      obrigado pelas tuas palavras e quero transportar os teus votos para a vossa relação que imagino seja também muito feliz.
      Abraço amigo.

      Eliminar
  7. muitos parabéns a ambos. é muito bom ser vosso amigo e partilhar a vossa felicidade.
    e felizmente já começa a faltar pouco tempo para o reencontro. acelera, relógio!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Miguel
      sim, vou contando os dias e vai-se encurtando a distância no tempo já que no espaço, só mesmo lá...
      O Déjan vai amanhã para a Alemanha pois começa a trabalhar a 1 de Janeiro de manhãzinha.
      E eu a 19 lá estarei a conhecer a cidadezinha de Olpe...
      Abraço amigo.

      Eliminar
  8. Houve uma altura, lá para os fins da minha adolescência, que eu achava que não iria conseguir encontrar o meu "mais que tudo"; pois todas as minhas amigas já tinham os seus namorados e eu: nada!. Minha mãe vinha sempre com a mesma frase: "Filha, quando menos contares, encontrarás aquele que será o teu companheiro." E eu pensava: "Encontrar? Como vou encontrar se não for procurar?" Pois é, João. "Não se procura, acha-se." Grande verdade! Muitas e muitas felicidades e um início (e continuação) de um FELIZ 2015!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Rosa
      sim, é essa a minha filosofia no caso do amor. Não obrigatoriamente noutros casos, mesmo afectivos (caso das amizades).
      Obrigado pelos teus votos e desejo-te também um Bom Ano.
      Beijinho.

      Eliminar
    2. Rosa
      nem eu esperava outra coisa de ti.
      Beijinho.

      Eliminar
  9. Muitos Parabéns amigo João

    Abraço x 2 :)

    Feliz 2015 :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado, Francisco.
      Para ti também votos de um Bom Ano.
      Abraço amigo.

      Eliminar
  10. Respostas
    1. Olá Leonel
      obrigado pela tua visita e pelo teu comentário.
      Já tenho visto os teus comentários em blogs que ambos seguimos, mas agora já pus o teu blog no meu "feedly" e vou lendo o que escreves.
      Actualmente já não escrevo muito no blog, mas já foi antes da crise da blogo um local de referência, modéstia à parte e já lá vão quase 10 anos.
      Volta sempre que queiras, a casa é tua.
      Um Bom Ano para ti.
      Abraço.

      Eliminar
  11. Guten Tag :D I know you hate it hahaha Just before I leave I want to send you a kiss and tell you: see you soon!!!
    Regards to all and all the best in New Year! Amo - te chako pako!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. My love
      I must be prepared for many "Guten Tag" during two weeks there. I hope you have a nice trip from Stuttgart to Olpe and I will pass the midnight (two midnights) with you on Skype!
      Have a wonderfull year and see you in 19 days, yessssssssssssssss!!!
      Volim te chako pako!!!

      Eliminar
  12. Meu amigo, que história linda. A foto e a música ficaram ótimas. Felicidades. Feliz 2015.

    ResponderEliminar
  13. Douglas
    todas as histórias de amor verdadeiro e sincero são lindas. A nossa é-o e eu e o Déjan somos muito felizes.
    Um Bom Ano para ti.
    Abraço amigo.

    ResponderEliminar
  14. Desejo-lhes o melhor para o próximo ano. As histórias de amor são ainda mais comovedoras quanto maior é á distância. Um abraço amigo para os dois

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Kaplan
      muito obrigado. Tens toda a razão.
      Um Bom Ano para ti.
      Abraço amigo.

      Eliminar
  15. Venho deixar votos de

    Feliz Novo Ano !

    Saúde
    Paz
    Sucesso
    Harmonia
    Prosperidade
    Amor

    Beijos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. G- Souto
      neste caso é mesmo "copy e paste".
      Beijinho.

      Eliminar
  16. Muitos mais, caríssimo.
    Boa sorte ao meu colega em terras germánicas!
    Bom 2015.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro Catso
      que bom ver aqui alguém dos velhos tempos da blogo...
      Obrigado pelos teus votos e neste momento estou ansioso por saber como correu o primeiro dia de trabalho do Déjan em Olpe.
      Um Bom Ano para ti e para os teus.
      Abraço amigo.

      Eliminar
  17. Que a vossa felicidade perdure pela vida fora! (Linda a peça de schubert!)
    Um grande e forte abraço aos dois, mas a ti em especial, João!
    Votos de ano pleno de boas surpresas e que esta história continue... sempre!

    ResponderEliminar
  18. Olá João
    obrigado pelos teus duplos votos.
    Eu espero que sim, que seja para sempre e para já vou abraçá-lo no dia 19.
    Abraço amigo.

    ResponderEliminar

Evita ser anónimo, para poderes ser "alguém"!!!