terça-feira, 20 de março de 2012

Tango acrobático

Geralmente, não aprecio por aí além, números circenses, mesmo que muito bem executados.
Abro aqui uma excepção, pois olho para esta apresentação como uma dança e não como um número de trapézio.
E depois há o tango... 
Se puderem ver em "full screen" será bem mais interessante.

26 comentários:

  1. Fenomenal, realmente. É o chamado "alto tango" :D

    ResponderEliminar
  2. Catso
    são soberbos. Penso serem originais da Rússia.
    Abraço amigo.

    ResponderEliminar
  3. Grande técnica e a coreografia é original e impecável.
    Abraço.

    ResponderEliminar
  4. Arrakis
    excelente o teu comentário.
    Abraço amigo.

    ResponderEliminar
  5. Nunca fui fã do circo. Fiquei perturbado na infância quando vi um filme sobre um palhaço assassino. A partir daí nunca mais...
    Contudo não retira o mérito e esforço de pessoas que se dedicam de corpo e alma a esta profissão (tal como está representado no video)
    Até já :)

    ResponderEliminar
  6. Também não sou dado a circos, mas os números de trapézio sempre exerceram um enorme fascínio em mim. Vá-se lá saber porquê.

    ResponderEliminar
  7. A musica Santa Maria dos Gotan Project é fenomenal :)

    ResponderEliminar
  8. Gato
    mas isto é apenas uma parte do espectáculo circense e aqui até é apresentado numa sala quase normal, só com um mínimo de adaptações.
    E eles são absolutamente fantásticos.
    Abraço amigo.

    ResponderEliminar
  9. Paulo
    e este número vai além do trapézio tradicional, pois faz uma ligação com a dança através da música.
    Abraço amigo.

    ResponderEliminar
  10. Alex
    está muito bem escolhida a música, pois ela é como que minimalista, para dar mais brilho à execução.
    Abraço amigo.

    ResponderEliminar
  11. Fantástico!
    Obrigada pela partilha.
    Bjs

    ResponderEliminar
  12. Teresa
    a satisfação do teu agrado é muito bom senti-la.
    Beijinho.

    ResponderEliminar
  13. Fantástico!
    DAnçam melhor no trapézio do que eu de pé no chão!

    Bjs

    ResponderEliminar
  14. Maravilhoso João, fiquei vidrada, já vi duas vezes e tenho a sensação que vou espreitar mais um vez é lindíssimo!!!
    Abraço doce
    Com carinho
    Sairaf :)

    ResponderEliminar
  15. White_Fox
    Só posso estar de acordo, é óbvio.
    Abraço amigo.

    ResponderEliminar
  16. Sairaf
    eu sabia que ias gostar muito mesmo.
    Beijinho.

    ResponderEliminar
  17. Muito bonito! digo mesmo impressionante. Abraço,
    Carlos Martins

    ResponderEliminar
  18. Olá Carlos
    muito obrigado pela tua visita que muito me honra.
    Ainda bem que gostaste pois valoriza a partilha.
    Abraço amigo.

    ResponderEliminar
  19. Nunca gostei de circo. Em garoto, a empresa onde o meu pai trabalhava oferecia todos os anos bilhetes para o circo que estivesse no Coliseu dos Recreios, na altura. Então lá íamos nós. O que mais me afligia é que, por exemplo, durante a actuação dos palhaços, todos riam a bandeiras despregadas menos eu que ficava com cara de parvo. Recordo-me, porém, de uma actuação creio que do Circo de Moscovo, em que uns ursos andavam de bicicleta,e obedeciam a semáforos, de tal forma que quando o vermelho aparecia eles paravam. Em resumo, não gostava e não gosto de circo. O que não significa que não possa gostar de algumas actuações com ele relacionadas.
    Por isso, sinceramente o vídeo não me enche as medidas

    ResponderEliminar
  20. Lear
    aceito perfeitamente as tuas razões.
    Gostos não se discutem.

    ResponderEliminar
  21. Mary
    é a dança que mais gosto e é também muito apelativa; já assisti a variadíssimas exibições do tango a ser dançado, mas no trapézio, foi mesmo a primeira vez.
    Beijinho.

    ResponderEliminar
  22. A junção da paixão do Tango com a dependência um do outro que um número de trapézio exige está fantástica. Obrigado pela partilha.

    ResponderEliminar
  23. Amigo Coelho
    o prazer da partilha foi todo meu.
    Abraço amigo.

    ResponderEliminar

Evita ser anónimo, para poderes ser "alguém"!!!